Meus caros amigos e amigas, aqui vos envio um texto sobre a reeleição de Trump e o possível (no Brasil é tudo possível) impeachment de Bolsonaro. Julgo que estas eleições são pouco mais que irrelevantes, isto porque quer os EUA, quer o Brasil perderam o estatuto de Estados decisivos. Mesmo os EUA. Eles são perigosos, claro, mas não respeitáveis. 

Trump e Bolsonaro consumaram uma rutura no conceito de contrato social, que nunca foi estutural nem nos EUA, nem no Brasil, nem em qualquer Estado pós colonial em que a elite colonial se impôs como herdeira do estado colonial.  As sociedades pós coloniais das Américas mantiveram as clivagens sociais e não construiram sistemas publicos generalizados... isto é, não garantiram a plena cidadania a todos os seus nacionais e fundaram-se numa elite colonial... 

Fica à vossa consideração.

Uma ideia de explicação para os aviões cheios e os espetáculos a meia casa

Aviões a 100%?! “Expliquem-me, como se eu fosse uma criança”, pedem tantos bons amigos. É o título da crónica de uma jornalista do DN. Outros apontam o seu desapontamento contra a Diretora Geral de Saúde: perdeu toda a credibilidade! Então o vírus mata numa sala de espetáculos e não mata num avião!

Lançamento de petição online

A Iniciativa Liberal, através do seu Núcleo Territorial de Cascais, lança hoje uma petiçãoonline www.peticaopublica.com para que o executivo PSD/CDS que gere a CâmaraMunicipal de Cascais (CMC) reduza a taxa de IMI no concelho para o valor mínimolegalmente possível de 0,30% em 2020 com efeitos imediatos em 2021.

Cascais tem uma taxa de IMI, atualmente nos 0,35%, superior à maior parte dosconcelhos do país, incluindo a dos concelhos de Lisboa (0,30%), Oeiras (0,32%) e Sintra(0,33%). “É tempo de reduzirmos os impostos em Cascais e devolver rendimento àsfamílias e empresas do concelho neste período de grande incerteza económica”, afirmaMiguel Barros, porta-voz da Iniciativa Liberal Cascais.

Conclui ainda que “parece-nos extremamente injusto que os portugueses estejam a viverdificuldades económicas e sociais e que, por exemplo, os partidos estejam isentos depagar IMI, IMT, imposto de selo, imposto sucessório, imposto automóvel e IVA, mesmoem atividades que são comerciais, como a festa do Avante.”

A Iniciativa Liberal Cascais vem dar voz aos munícipes de Cascais na sua defesa por umEstado mais eficiente e mais responsável na gestão dos seus impostos. A IniciativaLiberal Cascais defende, para compensar o efeito da redução de IMI no orçamento daCMC, a eliminação de despesas supérfluas (como a redução da publicidade feita pelomunicípio), um programa de redução de despesas correntes e a devolução do excedenteorçamental acumulado nos últimos anos de quase 75 milhões de euros.

De salientar que, a redução do valor da taxa de IMI é uma das bandeiras do partidoIniciativa Liberal, como consta no seu programa político e eleitoral.

Sobre a Iniciativa Liberal

O partido INICIATIVA LIBERAL é o partido liberal de Portugal. A Iniciativa Liberal apresentou-se pela primeira vez aeleições nas Eleições Europeias em maio de 2019. Em setembro, concorreu às Eleições Regionais da Madeira. Emoutubro, participou nas Eleições Legislativas e elegeu um deputado à Assembleia da República, João CotrimFigueiredo. Acompanhe a Iniciativa Liberal em Iniciativa Liberal, Facebook, Twitter ou Instagram.

Sobre o Núcleo Territorial de Cascais da Iniciativa Liberal

Criado em 2019, o Núcleo Territorial de Cascais da Iniciativa Liberal desenvolve a atividade política da Iniciativa Liberalno concelho de Cascais. Nas últimas eleições legislativas, a Iniciativa Liberal foi a 7ª força política mais votada noconcelho de Cascais (6ª na freguesia de Cascais). Acompanhe esta iniciativa da Iniciativa Liberal Cascais em Facebook,Twitter ou Instagram.

Para mais informações, por favor contacte: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.@liberal.pt ou Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Cascais Diário

"Com o tempo… uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta … formará um público tão vil, tão injusto e tão hipócrita quanto ela própria". Alertado por este pensamento de Joseph Pulitzer, o Cascais Diário surge para se afirmar como um projecto de grande informação, orientado por critérios de rigor, transparência,  verdade, criatividade editorial e oportunidade, sem qualquer dependência de ordem ideológica, política, económica, moral ou religiosa.

Estatuto Editorial

Sede
Rua 5 de Julho, 175 - 2775-044 PAREDE
Propriedade
OCSE - Comunicação Social e Eventos, Lda
Publicidade
999 999 999

Mais Recentes

09
maio2020

Máscaras à sombra

Passados quase dois meses sobre o início do estado de emergência, e agora que começa paulatinamente...

04
Nov.2019

Carreiras + propagan...

A Câmara Municipal de Cascais publicou hoje um post a dizer o seguinte: “O Bairro dos Museus e a Fun...

29
Set.2019

João Vieira conquist...

Numa prestação a todos os títulos brilhante o atleta do Sporting, João Vieira, conquista a medalha d...

26
Set.2019

ESCÂNDALO. Proteção...

Valdemar Pinheiro, 2019 09 26 - Cascais24 - Mónica Araújo Silva, 48 anos, de nacionalidade brasilei...